Home Cartafol Folk Ecléctica Ensemble

Ecléctica Ensemble Featured

Ecléctica Ensemble nom foi umha banda, nem o é, nem o será.
Tudo começou com «exercícios criativos de voz numa aula de Lalim. O importante era improvisar (…)» sobretudo sobre o património musical tradicional. «Irreverência, atrevimento, provocaçom, supremacia estética, maquilhagem, sátira, encher a música tradicional de ironia e dar-lhe voltas até fartar-se», conta Ugia Pedreira.
Este nada ortodoxo grupo formou-se desde o Conservatório de Música Tradicional e folque de Lalim por iniciativa de Richard Rivera, Davide Salvado, Ramom Pinheiro e Ugia Pedreira aló polo ano 2000.
O nome devem-lho a Ecléptica Órbita, a mulher cantadora dos gaiteiros Os Rosales alcunhada Maruxa, e a Martázul, que transmutou o ‘p’ em ‘c’.
Estevo Creus lembra tê-los visto no 2003 no Pubis Pronovis: «eu estiven alí, aquel serán, facéndome pequenísimo no canto».
Percorrerom Galiza inteira durante quase um ano com o espectáculo Dillei de Carlos Blanco, umha comédia musical com posta em cena espectacular, projecções de vídeo, Dj —Nathan Carter— e ironias sobre a música tradicional como «canta xente fai play-back cando soa o himno galego?». Daquela «Ecléctica era o corazón, se latexar fose un pandeiro» —Luzia Aldao—.
Até o 2004 durou o ensamblamento, mesmo chegarom a Paris, a um concerto organizado pola Boule Noire quando o do Prestige. E, segundo Olga Nogueira, os de aló alucinarom: «Inda ben que non veu o cura de Saint-Germain-de-Près (galego de Chandrexa de Queixa) porque igual infartaba co número da masturbación aos ex-votos de cera.»
Ecléctica jogava com o público e com a sua natural improvisaçom cénica fazendo a este partícipe da alegria que produze O CANTAR.
Ecléctica vivia a música com espontaneidade e provocaçom e conseguia transmitir desde o cenário os ritmos galegos com força e delicadeza. Era um jeito mui particular de entender a música de raiz. Procurando a supremacia estética e a ironia, atoparom umha nova expressividade para a pandeireta.
Mas Ecléctica Ensemble já nom existe. «Muitos som os que pensam que se uma fórmula funciona deve-se explorar —as fórmulas para a química e a economia, o resto é Dadá—». Isso dizia Ugia e isso aconteceu.

«Sobre cadáveres medra nova semente. E assim deve ser.» —Martázul—

Accede á zona de descarga de Ecléctica Ensamble


Electronic Galician Grooves (2009)

EscoitaNameCanciónTamaño Duración
downloadArrole
(ECLECTICA ENSEMBLE)

5.4 MB3:50 min
downloadO Suspiro
(ECLECTICA ENSEMBLE)

5.4 MB4:36 min
downloadO Maio
(ECLECTICA ENSEMBLE)

5.5 MB4:13 min
downloadO Menino
(ECLECTICA ENSEMBLE)

6.1 MB4:32 min
downloadA Fia
(ECLECTICA ENSEMBLE)

9.4 MB6:29 min
downloadDeixa-me
(ECLECTICA ENSEMBLE)

6 MB4:59 min
e

Images (1)

Buscar no Cartafol:

Índice Alfabético de Grupos

A-B-C-D-E-F-G-H-I-J-K-L-M-N-O-P-Q-R-S-T-U-V-W-X-Y-Z

Atención! Este sitio usa cookies e tecnoloxías similares.

Facendo click en aceptar, estás dacordo co seu emprego

Acepto